quinta-feira, 20 de fevereiro de 2014

Quem anda menos, paga menos


Quem anda menos, paga menos
Q
uanto Menos Anda, Menos Paga é a nova campanha da Lusitania Seguros, que decorre até Abril. Quem percorrer menos quilómetros no seu veículo será compensado no final da anuidade do seguro automóvel com um desconto que pode ir de 5 a 25%. A variação do desconto está indexada ao número de quiómetros percorridos.
A campanha está presente em digital, rádio (spots e referências patrocinadas) e mupis. Haverá ainda uma “acção de guerrilha” em 36 cidades, onde as ruas serão invadidas com informação sobre a campanha, colocada nos puxadores ou retrovisores dos automóveis.
Para Susana Pascoal, directora de marketing da Lusitania Seguros, «o investimento nesta campanha, inserida no Lusitania Motore, traduz a nossa aposta em produtos diferenciadores e na constante inovação da nossa oferta, tendo em conta as necessidades e realidade dos clientes. Queremos criar proximidade com os consumidores, actuais e potenciais, através de bons produtos, assentes numa comunicação dirigida, simples e apelativa», afirma no comunicado.
A campanha é dirigida a clientes particulares com mais de 25 anos e mais de dois anos de carta, com veículos ligeiros de passageiros ou veículos ligeiros de mercadorias de uso particular.
A adesão ao produto pode ser feita nos balcões Lusitania e/ou através dos mediadores.


http://marketeer.pt/2014/02/20/quem-anda-menos-paga-menos/

Comentário: A Lusitania Seguros vai lançar uma campanha que certamente será de muito bom agrado para os condutores que realizam menos quilómetros por ano. Isto é, quem percorrer menos quilómetros, será compensado no final da anuidade do seguro automóvel. No meu entender é uma excelente ideia, e devido há crise pelo qual as famílias portuguesas estão a passar e aos elevados custos que acarreta uma deslocação num veiculo próprio, tem tudo para ser uma campanha com um grande êxito. Desta forma, a Lusitania Seguros, está a ir ao encontro das necessidades dos clientes (necessidade de ter o carro com seguro para poder deslocar-se) e há sua realidade (não têm muito dinheiro para pagar por seguros). Sem dúvida uma boa oportunidade para os possíveis clientes reduzirem as suas despesas com os seguros e para a empresa crescer.

Nuno Barbosa nº 28468     

Enviar um comentário