sexta-feira, 10 de junho de 2016

O Twitter criou um “júri” de anúncios

O Twitter criou um “júri” de anúncios
Chama-se Twitter Insiders, é composto por 12 mil utilizadores da rede social e consiste numa espécie de júri que irá avaliar as campanhas dos anunciantes antes de serem oficialmente lançadas. Esta é a mais recente aposta do Twitter na área da publicidade.
Por exemplo, se uma marca quer lançar uma campanha que considera "arriscada", basta disponibilizá-la aos Twitter Insiders para perceber se é ofensiva ou eficiente, facilitando a tomada de decisões importantes por parte das marcas.
"Esforços que tradicionalmente requeriam um planeamento a longo prazo e tinham custos podem ser agora feitos de forma rápida e eficiente com o apoio da nossa rede de Twitter Insiders", explica ao Ad Age, Gemma Proctor, research manager do Twitter.
Os membros do Twitter Insiders são anónimos, têm uma idade mínima de 16 anos e vivem nos Estados Unidos ou Reino Unido. Após inscrição, é pedido aos insiders que partilhem coisas sobre eles, tais como os rendimentos, educação, género e interesses.
Aos Twitter Insiders pode ser pedido que tirem fotografias, testes vídeos e analisem expressões faciais de imagens, por exemplo. Estes "jurados de anúncios" não serão pagos monetariamente, mas em prémios como cheques-prenda ou produtos eletrónicos, como iPads ou smartphones.
O Twitter tem opções para projetos das marcas a curto e a longo prazo. No primeiro caso, que pode durar apenas alguns dias, pode incluir inquéritos para que os Insiders avaliem uma campanha live, por exemplo. Já na segunda situação, o tempo pode variar entre quatro e seis semanas, e trata-se de casos que requerem uma pesquisa intensiva e podem adequar-se a campanhas de lançamento de novos produtos ou filmes, por exemplo.


Ler mais: http://www.briefing.pt/publicidade/36923-o-twitter-criou-um-juri-de-anuncios.html#ixzz4BCKwfs00

Enviar um comentário