domingo, 6 de março de 2016

Guimarães reúne empresas do município em marca única



“Guimarães Marca” é o nome do projecto que pretende mostrar Guimarães ao mundo através da sua indústria e tecido empresarial. Para tal, reuniram-se, para já, 23 empresas do município de sectores como Têxtil-lar, Calçado, Cutelaria, Vestuário e Cartonagem, sendo que a maioria delas exporta 90% dos seus produtos.
A médio-longo-prazo o objectivo é agregar mais de três mil empresas da região. A adesão ao projecto está sujeita a inscrição e validação, sendo que serão privilegiadas as empresas “sólidas e cumpridoras dos deveres sociais, inclusivos e de sustentabilidade”, explica a organização em comunicado. As empresas participantes do “Guimarães Marca” poderão ostentar o selo do projecto e, assim promovê-lo internacionalmente. O selo, semelhante a uma marca de água, vai ser colocado nos produtos fabricados pelas empresas acompanhado de um QR Code que remete para o site e vídeo promocional do projecto.
A promoção além-fronteiras é também responsabilidade da Câmara Municipal de Guimarães, entidade coordenadora através da Divisão de Desenvolvimento Económico, que deverá sustentar a iniciativa e gerir a agenda de actividades e presenças em feiras. Ricardo Costa, vereador para os Assuntos Económicos do município e responsável do projecto, acredita que «actualmente, é determinante ter uma marca territorial que congregue em si uma mensagem forte». «Pretendemos fazer de “Guimarães Marca” um símbolo de excelência», conclui.
Paralelamente, o “Guimarães Marca” terá um espaço na cidade que lhe é inteiramente dedicado. Na loja, situada na Praça da Plataforma das Artes e da Criatividade, as empresas integrantes do projecto vão poder apresentar as suas colecções, receber importadores ou dar-se a conhecer.
Além das 23 empresas, “Guimarães Marca” arranca com o apoio de duas entidades: o Instituto Politécnico do Cávado e do Ave (IPCA) – Pólo Guimarães e o Instituto de Medicina Regenerativa 3B’s.

Fonte: http://marketeer.pt/2016/03/04/guimaraes-reune-empresas-do-municipio-em-marca-unica/

Enviar um comentário