quarta-feira, 24 de fevereiro de 2016

Google financia seis projectos de jornalismo digital portugues


O Digital News Initiative vai atribuir um total de 1,8 milhões de euros a seis projectos portugueses de jornalismo digital, resultado da primeira ronda do Fundo de Inovação criado pela Google em parceria com publishers de toda a Europa. A Google ainda não está a divulgar os nomes dos vencedores mas o Jornal de Notícias avançou já que a sua proposta foi uma das seleccionadas. José Carlos Lourenço, COO do Global Media Group, citado pelo jornal, afirma que o «financiamento agora obtido irá acelerar o progresso que se tem vindo a registar na performance das plataformas digitais do JN, em particular na área da produção e distribuição de vídeo, a área de actuação do projecto agora distinguido».
Google financia seis projectos de jornalismo digital portugueses
Também o Público viu o seu projecto seleccionado e receberá, por isso, mais de 300 mil euros. O jornal diz que o seu projecto "dará aos utilizadores das plataformas digitais um serviço personalizado, que permitirá a cada pessoa ter um resumo da informação que perdeu enquanto esteve sem consultar notícias. Para personalizar a informação apresentada, a funcionalidade terá em conta factores como as preferências do utilizador, o dispositivo usado e a hora do dia".
Segue-se o Observador, segundo conta Diogo Queiroz de Andrade, director criativo do Observador, na sua página de Facebook. O profissional acrescenta que, depois do projecto de que também é autor ter vencido o financiamento, irá abandonar o jornal.
Ao todo, a primeira ronda de financiamento atribuiu 27 milhões de euros a 128 projectos de 23 países. Em Outubro, a tecnológica anunciou a abertura das candidaturas e revelou que tinha 150 milhões de euros para investir. Sendo que apenas parte desse valor foi atribuído, o restante montante será aplicado ao longo dos próximos três anos.
Apesar de não revelar ainda a lista completa, a Google avança o nome de dois projectos que receberão financiamento. É o caso do eldiario.es, em Espanha, que apresentou uma proposta baseada no modelo de crowdfunding que irá permitir convidar a audiência a financiar uma história por exemplo. A startup alemã Spectrm também mereceu referência devido ao mecanismo de inteligência artificial que propõe desenvolver e que deverá ajudar os publishers a comunicarem directamente com os leitores.
Entretanto, também o The Telegraph já veio dizer que é um dos projectos britânicos seleccionados.


Fonte:  http://marketeer.pt/2016/02/24/google-financia-seis-projectos-de-jornalismo-digital-portugueses/
            Marketeer

Enviar um comentário